Um GOLPE no estado de espírito
27/11/2020 20:37 em Música

Revolucionário ou alienante, produto de marketing ou ferramenta de contestação social, não importa, o ROCK sempre foi e sempre será controverso. Está na sua essência.

 Qual o melhor guitarrista? Jimi Hendrix, Steve Vai, Eric Clapton?

 E baterista? John Bonham, Neil Peart, Keith Moon? Cada um com seu estilo, sua técnica, seu "feeling" podem despertar os mais variados gostos e opiniões.

 O legal mesmo é quando a banda 'encaixa', e o melhor exemplo disso foi o GOLPE DE ESTADO.

Nelson Brito, Paulo Zinner, Catalau e Élcio Aguirra tiveram o privilégio de formar uma das maiores bandas de Rock do mundo.

Individualmente pode até serem contestados, mas juntos esbarraram a unanimidade. Algum fã mais saudosista diria : '- Pena que acabou.' . Já eu afirmo -fizeram o que tinha que ser feito!

 O Golpe de Estado não é uma subversão da ordem constitucional.É um golpe no estado dos espíritos depressivos, nas pessoas acomodadas e no conformismo que nunca é compatível com espírito do verdadeiro rock. Está dado o golpe.(epígrafe de Luís Calanca no encarte do primeiro disco)

                                   

  Leandro Garcia
  www.radioplanob.com.br

 
COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!
RADIO PLANO B